fbpx

Início de Borja empolga Grêmio, e direção não descarta comprá-lo em definitivo: “Talento inigualável”

Centroavante colombiano de 28 anos marcou um gol em sua estreia diante da Chapecoense

A contratação de Miguel Borja junto ao Palmeiras parece ter definitivamente caído no gosto da direção gremista, que não poupa elogios ao atleta e já pensa em mantê-lo em definitivo depois do prazo do contrato de empréstimo, vigente apenas até dezembro da temporada que vem.

Em entrevista à Rádio Caracol, da Colômbia, o vice-presidente de futebol tricolor Marcos Herrmann rasgou elogios ao centroavante:

“Estamos muito felizes com ele. É um grande trabalhador. Estamos muito animados com a vinda dele ao Grêmio para fazer um trabalho inesquecível nos próximos anos. Borja tem um talento inigualável. Me lembro muito bem de 2016, no Atlético Nacional, fez um trabalho espetacular”, disse, antes de finalizar:

“Temos uma opção de compra ao final do contrato, em dezembro de 2022, temos esperanças, mas se o comprarmos, foi porque ele foi bem no Grêmio”.

O início de Borja foi com gol de pênalti na importante vitória de 2×1 na última segunda-feira em casa sobre a Chapecoense. A nova chance de balançar as redes será neste sábado, 21h, fora, contra o São Paulo.

Pelo contrato de empréstimo, o Grêmio desembolsou cerca de R$ 6 milhões ao Palmeiras e, no contrato firmado, está estipulada uma cláusula de compra por mais 2,5 milhões de dólares (aproximadamente R$13 milhões).

Gostou do site? Então deixe sua curtida:

Publicidade

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas