Felipão ainda vê Grêmio no páreo contra o Palmeiras, mas faz lembrança: “Jogar com alma e se arriscar”

Experiente técnico Luiz Felipe Scolari ainda não coloca a Copa do Brasil como definida a favor dos paulistas

Multicampeão com o Grêmio na década de 90, o experiente técnico Luiz Felipe Scolari, o Felipão, ainda não tira o ex-clube do páreo com o Palmeiras na disputa da finalíssima da Copa do Brasil. No último domingo, o alviverde venceu por 1×0 na Arena e assim garantiu vantagem para a volta, no Allianz Parque.

Em entrevista concedida ao site GaúchaZH, Felipão deu algumas “dicas” que considera fundamentais para o Grêmio se manter na disputa durante o próximo domingo, às 18h.

“É preciso jogar com alma, disciplina tática, com criatividade. Arriscar e se doar ao máximo”, ampliou.

Felipão venceu a Copa do Brasil pelos dois clubes – em 1994 pelo Grêmio e 2012 pelo Palmeiras. E sabe, muito bem, que os detalhes nesse tipo de jogo são fatais:

“São dois jogos em que devemos diminuir nossa margem de erros, estar sempre com mais atenção no desenvolvimento das jogadas, estar muito mais pronto a ajudar nosso companheiro num possível erro, incentivar nossos companheiros a realizarem o que sabem bem e incentivar a algumas mudanças nas características de nossos companheiros. É preciso acreditar, confiar e fazer. Só teremos duas oportunidades para vencer e é importante não desperdiçar”, ampliou.

DO QUE O GRÊMIO PRECISA PARA SER CAMPEÃO SOBRE O PALMEIRAS:

– Vencer por dois gols de diferença
– Vencer por um gol (1×0, 2×1, 3×2…) e depois ganhar nos pênaltis

  • Clique aqui para entrar em um grupo de WhatsApp e acompanhar as notícias do seu time.
Mostrar comentários (1)

Utilizamos cookies. Ao continuar acessando este site você estará concordando com as políticas de privacidade. AceitarLer políticas

Políticas & Cookies